“Comércio internacional é uma vocação dos capixabas”, afirma Casagrande

Publicado em 20/05/2022

Ao parabenizar o Sindiex pelos 30 anos de história, o governador Renato Casagrande afirmou que o comércio internacional é uma vocação dos capixabas e que tem orgulho dos empresários que aqui atuam.


“O Sindiex é uma entidade que sempre se aperfeiçoou e cumpre um papel importante, trabalhando um tema, o comércio internacional, que é uma vocação dos capixabas. A gente tem boas empresas, bons profissionais e nós temos de nos orgulhar da atividade que a gente tem aqui no nosso Estado, que é uma referência para o Brasil e representa mais de 50% do PIB capixaba. Não vou nem dizer quanto representa para a receita, porque senão vocês não vão querer pagar tributos”, brincou.


Casagrande ressaltou que o Estado tem construído um ambiente institucional maduro para os investidores. “Isso tem sido um diferencial na hora de a gente se apresentar para os empreendedores, os que estão aqui trabalhando, os que estão vindo para cá, que estão investindo no Estado. Mesmo na pandemia, nós não paramos de receber empresas que querem se instalar aqui no Estado ou que querem ampliar suas atividades”.


Ele frisou que o Estado conta com uma boa gestão fiscal, ambiente de negócios adequado e tem investimentos em inovação. “Buscamos ser referência no cenário nacional. E o Sindiex participou de todo esse processo de reconstrução do Estado, esteve avançando junto com nosso Estado, ajudando a caminhar. Veja como foi duro a gente passar esses momentos de pandemia, dois anos difíceis, e só foi possível a gente ter atravessado desse jeito: juntos”.


Casagrande afirmou que sabe que foram momentos difíceis para o empreendedor durante os últimos anos de pandemia. “Foi duro para quem está no governo, nas instituições, mas foi duro também para quem está empreendendo. Foi difícil e é na hora do desafio que a gente conhece as pessoas. Na hora da dificuldade é que a gente forja os principais líderes”.


Para Casagrande, um líder não é formado em um ambiente de “mamão com açúcar”. “Um bom líder político, empresarial, de qualquer área da atividade social, só é forjado, e tem tutano, se ele tiver de enfrentar desafios pesados. Se ele não enfrentar, ele pode fraquejar. Mas é na hora dos desafios que vemos as mazelas. Para mim, a maior das virtudes é a coragem. Se faltar a coragem, falta tudo. Todas as outras virtudes desaparecem. Então é preciso ter coragem para enfrentar”.


O governador ainda agradeceu por todos esses anos de parceria com os empresários. “Sou grato a vocês por me ajudarem a fazer essa passagem nesses dois anos de pandemia. O Estado saiu mais forte, com mais capacidade, mais representatividade, mais possibilidade de criar oportunidades para os capixabas”. 

“Comércio internacional é uma vocação dos capixabas”, afirma Casagrande

Compartilhe:

 

 

Visitas: 568



http://sindiex.org.br/ http://sindiex.org.br/


Este site utiliza cookies e outras tecnologias para melhorar a sua experiência. Leia nossa Política de privacidade.